terça-feira, 2 de setembro de 2008

A UE suspende cooperação com Rússia. E com o Kosovo?


A União Europeia, não ignorando as diferenças entre os seus membros sobre esta matéria da Geórgia, falou "de cima" para a Rússia...Brown, Merkl e Solana preferiam ter ido mais longe. Resta saber se estes dirigentes europeus, amantíssimos defensores da legalidade nas relações internacionais algum dia se irão pronunciar sobre a natureza do Kosovo...

No Kosovo, os dirigentes europeus apoiam um processo político ligado ao crime organizado, conduzido por um gerrilheiro , Hashim Thaci, que tem sido o nº 1 da organização mafio-terrorista do UÇK, com um largo reportório de acusações de crimes de guerra. Com reservas de alguns, pelo menos não chateiam Bush.


1 comentário:

adalberto disse...

Tudo o que se passou a propósito do Kosovo é uma vergonha da Europa para com a História. O que ficará não são as diferenciações internas dos dirigentes europeus sobre a matéria mas sim que todos eles ajudaram a viabilizar as chacinas prévias à sua consituição. Que todos eles, na base de redes sociais ligadas ao mundo do crime, sob a direcção de pessoas que normalmente seriam reconhecidas como bandidos, deixaram tal estado ser constituído...
No canto mais pequeno do retrato ficará um compatriota (?) nosso de nome Barroso que, na postura, salamaleques e arrogâncias pífias não consegue esconder que fugiu do país atrás do dinheiro em troca da sua vocação para ser capacho dos que efectivamente mandam.